Compras

Patins DC Comics | Mulher Maravilha!

Cabelos

Família Novex Meus Cachos de Cinema

Beleza

Paletas da BH Cosmetics

Posts marcados na categoria Tutorial

Sapato transparente: Como usar? | Inspiração

17mar

Roupa, acessórios, e sapato transparente são um plus que acaba de voltar direto do túnel do tempo para nossas vidinhas de 2017.

Um tempinho atrás recebi da maravilinda Petite Jolie um par de tênis do modelo Kitti, da nova coleção Move It! E a princípio quando mostrei no stories, algumas pessoinhas me perguntaram como que diacho se usa um sapato transparente sem ficar cafona? (Um usou essa palavra, sério)

Como usar um sapato transparente?

Primeiramente monamú, roupas, sapatos e acessórios fora do seu gosto não são cafonas. São apenas coisas fora do seu gosto. SÓ. E tudo bem ser assim! Se todo mundo tivesse o mesmo gosto, a moda praticamente não iria existir, né non? Ou iria, mas iria consistir basicamente no modelito (entre duas possíveis opções) de saco de batata mais fashion.

E quem sou eu sem meus glitter e minhas saia esvoaçante e jaquela holográfica, menina? Eu não sou ninguém, eu sou um pontinho laranja e triste no meio da floresta amazônica. E nada disso pode ser do seu gosto, assim como o seu estilo pode não ser do meu, mas só de você se vestir como você se sente bem, já ta valendo e eu já  to te achando gata por isso, inclusive oi vamo?

Me perdi um pouco ali, desculpa.

E falando em tendência, olha aí a pochete voltando com um tapa na cara com luva de pelica em todos nós que zoamos ela nos anos 90. DESCULPA AÍ, VOCÊ É LEGAL SIM (INCLUSIVE QUERO!).

E o sucesso que esse modelito da PJ fez aqui no blog e nas redes sociais prova isso! Muita gente embasbacada com a ideia de usar meia colorida num tênis transparente (coisa que eu também só vim pensar depois; ia usar ele al naturale mesmo to nei ai), e o que se seguiu foi, claro, a imensidão de possibilidades de combinações em vários looks, com a mesma peça nos pézinhos.

To tão apaixonada por ele que montei um inspirational board com algumas ideias legais que achei pelas internets e pra você, miga ou migo fashionista, se inspirar e ahazar ao usar seu sapato transparente:

 

Sapato transparente, como usar

Eaí? Gostaram das dicas? Usariam? <3

O que eu mais amei aqui é justamente as 1001 combinações possíveis e o fato de a transparência tornar esse tênis super adaptável pra todas as estações. Uma coisa fofínea com meia de cano baixo e floridinha ou com babados na primavera, e uma meia de lã escura cano alto pra fazer a phyna botuda no inverno. Melhor coisa pra uma louca das meias como euzinha aqui. weeeeeee

Claro que, como já diz no board, usar um sapato transparente sem meias também é SUUUUPER recomendado! Claro que, pode não ser (aliás risca isso, simplesmente NÃO É) tão confortável como usar com alguma graminha de tecido entre seu pé e o material do sapato, mas estamos aqui pra ousar e causar, senão nem viríamos, é ou não é? É uma boa pra mostrar aquela nail art dexxxxtruidora que você fez nas unhas do pé mas até então só você sabia.

Todas as fotos fora as minhas do topo eu encontrei soltinhas na busca do google e do pinterest, então não achei a fonte 🙁 se você souber de quem são as fotos, me avisa pra botar os créditos aqui?

O modelinho da Petite Jolie que deu origem ao amor todo do post, vocês encontram em lojas multimarcas nas suas cidades ou em sites tipo a já conceituada Dafiti. E as manas de Manaus, tem ele e vários outros modelitos nas lojas Shop do Pé, viu? Da última vez que chequei, tinha visto na unidade do Manauara Shopping. <3

Esse post NÃO É um publi, viu migas? Olhando agora achei até que pareceu, mas não é HAHAHA só pra constar mesmo. Quando for, tia suh vai sinalizar. <3

Beeeeeeeeijos!

PS: Cês ainda me amam? Porque o blog vira e mexe fica paradinho né? I’m sorry
PS2: Cês preferem post escrito ou vídeo no canal sobre determinado assunto? E por quê?
PS3: Playstation 3
PS4: Fazendo post de tendência, to muito moduda eu

Resenha | Família Novex Santo Black Poderoso

22fev

Quando o negócio é bom, a família cresce, né non? É SIM!

E foi bem isso que rolou com o produtinho BBB dessa resenha aqui, que fez tanto sucesso com as cacheadas desse Brasil Baronil que se extendeu na linha completa; Agora o Novex Santo Black Poderoso tem, além do creme de tratamento mega potente, shampoo, condicionador, e pessoalmente meu favorito; o creme pra pentear! <3

A Embelleze me enviou um kit bem lindão com a família completa pra testar, e assim tenho o feito já há algumas semanas (lavo dia sim, 3-4 dias não, pra testar os day after). Segue neste humilde post meu parecer quanto aos efeitos da linha nos meus cachos:

Shampoo Novex Santo Black Poderoso

Tá, sabemos que a tarefa básica de um bom shampoo, é? Isso mesmo, limpar os fios de forma eficiente. Mas se fosse só isso né?! Só limpar até detergente limpa (AQUELAS BEM LOCA), o esquema é limpar e ainda dar aquela hidratadinha no processo, sem agredir excessivamente os fios. Hoje em dia felizmente já temos mais opções pra esse tipo de produto, e na matéria limpeza + hidratação, o shampoo da Santo Black arrasou com maestria, justamente porque ele e toda a linha são liberadíssimos pra gente que faz low poo ou no poo, significando que nenhum produto da linha tem agentes químicos que danificam o cabelo na tentativa de tratá-lo. E por isso, ao usar o shampoo da linha pra limpar os fios, não senti nadinha de eles ficarem duros como costuma acontecer com shampoos normais. Muito amor, viu?

Fora ainda o cheirinho que fica desde o shampoo, que é o passo inicial, até o creme de pentear que é o passo final, OU SEJA, cabeça cheirosa desde a limpeza.

Creme de Tratamento Novex Santo Black Poderoso

Do lado esquerdo, o primogênito de 1kg que deu origem a tudo; do lado direito, a versão compacta de 400g

Ué suele? E o condicionador? Amiga te acalma que tia suh ta fazendo o esquema pela ordem de uso. Pessoalmente, eu prefiro usar o creme de tratamento logo depois do Shampoo, pois da mesma forma que este “abre” as camadas dos fios no processo de purificação dos mesmos, esse é o melhor momento pra tacar uma hidratação poderosa, pois é quando os fios estão “abertos” e ainda mais receptivos a recarga de vitaminas que o creme de tratamento proporciona. No caso do Santo Black, o fundamental do conjunto de hidratação do bonito é o mesmo que envolve a linha inteira, que é o óleo da semente de Baobá, que é de origem africana e carregadíssima de agentes hidratantes pros nossos cachíneos enroladíneos. Eu já fiz resenha contando os efeitos maravidivos desse creme nesse link aqui, mas ele ta aparecendo de novo aqui justamente porque, nessa nova fase familiar; o cremão veio num pote de 400g, bem mais cômodo pra você testar no seu cabelinho antes de investir no potão. Pra quem não lembra da resenha dele (ou ficou com preguiça de abrir o link), vale lembrar que deixar 3 minutinhos no cabelo já faz a magya. É vapt vupt, sim senhor, bem the flash.

Condicionador Novex Santo Black Poderoso

Condicionador manas! Etapa selante desse verdadeiro banho (literalmente) de hidratação cacheada; fechar as camadas dos fios sem deixar a hidratação recém feita escapar. O condicionador dessa linha me agradou demais porque intensificou legal o cheirinho mesmo com o cabelo molhado (eu amo cabelo cheiroso vá), além da maciez imediata do cabelo, mas fica a dica; pode fazer esse condicionador render, viu mana? Uma quantidade do tamanho de duas moedas de 1 real já são maravidivas pra um cabelo mediano, tipo do cumprimento do meu (o meu é médio SIM, TA? Só que seco ele é curto mesmo. Fator encolhimento, vocês me perdoam.), focando sempre nas pontas, que tem aquela tendência bandida de se duplicar quando não seladas corretamente, como qualquer cabelíneo normal. Pega na mão do Santo Black e vai, que ele te livra das pontas duplas e ressecadas. Amém.

Creme de pentear Novex Santo Black Poderoso

Chegou a vez dele! Meu mais novo xodó, que ganhou até vídeo no canal mostrando como a combinação dele com um difusor de cachos nos dá uma juba tão tão sedosa e leonina, que você sai de casa com um coro cantando “naaaaaaaants ingonyamaaaaaaa bagithiiii babaaaaaaaaa” atrás de você. É sério, eu tava lá, eu era o Simba.
O creme de pentear da linha vem num frasco generosíssimo já adiantando como cacheadas são bem lokas com essa etapa, que é a da abençoada fitagem/amasso de cabelo; aquela mão na roda pra definir as molas e que, sim, cujo sucesso da técnica depende E MUITO do produto usado. O creme de pentear do Santo Black Poderoso foi de longe o creme testado por mim que eu mais indico pras minas que, como eu, querem aquele volumão no teto, mas sem perder a definição dos cachos e o brilho. Ah? Não acredita em mim? Vê o vídeo aqui embaixo então miséra, nunca duvidou de mim antes nesse blog, mas que sina.

Toda a família Novex Santo Black Poderoso já está a venda nas grandes farmácias e perfumarias do Brasil, e o creme de tratamento em especial também tem aqui no site da Ikesaki! <3

Que cês acharam? Já usaram algum produto dessa família abençoada?
Me conta nos comentários!

Disclaimer: O post é um publi feito com muito amor e com produção, testes e opiniões pessoais e verdadeiras de sempre da blogueira. ❤️

Vídeo | Maquiagem fácil e diva

11fev

ÉOQ SUELEN
TU TA METIDA COM TUTORIAL DE MAQUIAGEM???

Eu sempre achei muito fofo como, toda vez que posto alguma foto no insta com essa make, galera acha que é uma coisa super difícil e até pede tutorial. POIS ESSE DIA CHEGOU

E o melhor ainda, não é difícil não migos. É tão fácil mas tão fácil que até eu consigo fazer. E digo isso porque sério eu sou uma negação, não to exagerando aaaaaaaa (tanto que basicamente eu só sei fazer essa hahahahHAHAHAHA)

Pois, esse “tutorial” não é nem um tutorial direito, é mais euzinha mostrando como chego nesse resultado de uma forma simples e bem humarada (-q), então espero que vocês goshtem!

Depois do pulo tem a lista de todos os produtinhos usados, mas como podem perceber pelo vídeo, dá pra usar outras marcas e outras cores etc tranquilamente :3 ps: o delineador babadeiro é nacional e baratex. Amém??? Clica aí embaixo no Leia mais: Leia mais

Ano novo – Com que cor eu vou?

27dez

header

Passar a virada do ano usando branco é uma tradição e tanto; tanto que hoje em dia, nem questionamos mais o por quê disso. Mas se você é como eu, que usa branco todo ano e sua paz não aumenta nem diminui, ou se você já tem paz o suficiente na vida GRAÇAS A DEUS, que tal nessa virada experimentar uma cor diferente?

Dei uma pesquisada em alguns sites pertinentes e cheguei ao seguinte guia pra você, coleguinha, atrair todas as energias que quiser nesta famosíssima meia-noite. Selecionei as cores mais populares e que dentre as pesquisas pra mim tinham os significados mais diferenciados e relevantes, mas se a sua favorita não está na lista, vale a pena checar o amigo google porque ela pode ser exatamente o que você precisa. Quanto ao nosso guia, a mini-suu vai bem fofa orientar vocês a seguir.

Lembrando que não é preciso se dar ao trabalho de usar o look inteiro em uma cor só, ok linda? Pode ser um acessório ou a famigerada lingerie, ou a combinação das cores escolhidas se você tiver bem indecisa.

Vermelho

1 2 3

Achou 2016 muito paradão? Sem grandes emoções? Não conseguiu nada com os crushes? Talvez o vermelho seja exatamente do que você precisa, miga. O vermelho é a cor da paixão, e isso não necessariamente se aplica SÓ ao campo carnal emocional. Também te ajuda a ter motivação pra concretizar novos projetos e alcançar objetivos. Além, claro, do já conhecido sex appeal envolvido. Quem só se lascou no amor em 2016 e ta entrando naquela fase agora eu solteira e ninguém vai me segurar vai se agradecer por ter escolhido que seja um único acessório dessa cor pra passar a virada. Se quer começar o ano mergulhando em novas emoções, vai de vermelho.

Amarelo (Dourado)

1 2 3

Tive que abreviar as duas cores porque elas são muito próximas – e também porque todos os sites que olhei ou tinham os significados juntos em uma só delas ou separadas, então vamo resumir né?
Se 2016 foi aquele ano com muito boleto e pouco saldo no banco, amarelo é a melhor opção pra quem como eu não aguenta mais ser lisa. Além de atrair a sumida riqueza, também atrai energias positivas como alegria e contentamento. Também é uma ignição pra despertar a criatividade que talvez tenha estado muito parada esse ano que passou. É uma ótima cor pra publicitários como eu por exemplo, que precisam se manter criativos e parar de serem lisos.

Verde

1 2 3

Sentiu que o universo conspirou contra você em 2016? Que certas coisas que podiam ter dado errado, deram? Rachou a tela do celular mais de três vezes? Se você quer atrair mais sorte, prosperidade e auto-confiança nesse ano que entra, verde é a melhor opção. Também atrai saúde, energias naturais da terra e equilíbrio emocional. Ah, e a Pantone jura que a essa cor é a cor de 2017, então vou entender isso como um sinal do universo também.

Azul

1 2 3

Ta estressada linda? Se meteu em muita briga no facebook esse ano? Levou processinho por xingar muito no twitter? Azul é a cor pra você, e talvez um cházinho também. Eu sei porque preciso.
Azul é a cor que vai trazer tranquilidadepaz de espírito, as famosas good vibes, aquela voz da consciência que faltava pra você ter foco nas suas ideias e preservar sua saúde mental, ao invés de perder a calma e estragar seu dia. É mais uma cor que inspira saúde. O que faz sentido já que se estressando todo dia é capaz de a gente estourar uma veia, né não? Nesse 2017 eu prometo ir com calma, se vocês prometerem comigo <3

Rosa

1 2 3

Só teve decepção amorosa em 2016 e isso acabou mexendo mais do que devia com você? Sente falta de ter um amorzinho pra chamar de seu e assistir série juntos num domingo chuvoso? Rosa pode ser o que você procura, miga.
O rosa atrai afetividadeunião, então ta valendo também caso seu casamento esteja marcado pra esse ano, pra garantir que vai dar tudo certinho antes e depois da união oficial. Também vale para aquele outro tipo de amor que a gente tanto tem tendência de negligenciar, o famoso amor-próprio. Até porque sabemos que, não dá pra amar outra pessoa antes de amar a si mesmo, não é? Nessa virada, use rosa pra se lembrar que você é maravilhosa e merece ser amada, acima de tudo, por você mesma.

Preto

1 2 3

Não lacrou o suficiente esse ano? Preto é a cor pra isso. Está relacionada a forçaperseverança, então tem tudo pra ser a cor perfeita se nesse ano você quer ter mais iniciativa de liderança e ser dona do bagulho todo. É também aquela cor diferentona que todo mundo vai te olhar torto por usá-la em um evento feito o ano novo, mas você não vai estar nem aí pois você é apenas muito foda pra se importar.

Fontes de pesquisa aqui, aqui e aqui!

E é claro, dado o fato de que 2016 foi um ano histórico no quesito montanha-russa de emoções, sempre existe a possibilidade de passar o ano assim, só por segurança:

1 2 3 4

E aí? Já decidiu que cor usar? Ou qual combinação de cores?
Por que você acha que precisa dessa cor pra 2017? Me conta nos comentários.

Beijos e, claro, FELIZ ANO NOVO! <3

PS: Até o final do ano teremos DOOOOIS sorteios no instagram do blog! Um, que é exclusivo pras manas e manos de Manaus, já ta no ar! O próximo (que será nacional) vou liberar até o reveillon e aviso aqui. <3

PS2: Até o final do ano /2 ainda vai ter a parte dois do diário de viagem de SP. Vou amar ver os comentários de vocês aaaaaaaaaa

PS3: Playstation 3

PS4: São neste momento 4:32 da manhã e foi só agora que eu terminei as mini-suus ilustradas pra esse post. Socorr | agora são 5:55 e eu acabei de fazer as fotos pra um post no instagram também. Amém deusa da produtividade que baixou em mim hoje!

PS5: Vou guardar os gatos que tão soltos pela casa e ir dormir adieu

A saga do ruivo por henna – Parte 2: A hora da verdade

05maio

Já clareamos o cabelo, já recuperamos os fios, já somos uma loira muito loka! Agora, finalmente chegou a hora de ser a ruiva dos sonhos, com aplicação de Henna! <3

Deeeepois de uma semana MUITO LOCA graças a Kipling (amor infinito) mochilando pela Inglaterra com o Olhos Verdes e a Bru Vieira (e o agora migo Mauro irmão dela), Suele finalmente voltando ás atividades do blog. Vlog tem, mas falta editar, e antes disso eu pretendo cumprir com o dito post sobre a henna que prometi que ia liberar quando voltasse de viagem. Pois aqui está, nesse post de hoje, o resultado da peripécia desse outro post aqui!

Bora jogar brigadeiro no cabelooooooo (só que na vdd é henna)

Depois de ficar loira, passei a semana toda recuperando o cabelo como vocês bem lembram, pra tentar aplicar de novo no final de semana seguinte. Mas a Henna já tava pronta desde o final de semana passado! O que fazer? Deixar a bicha assim sem mais nem menos era estragar na certa a mistura. Mas por isso e pra salvar nossos bolsos e resto de paciência é possível congelar a henna pra descongelar apenas no momento do uso. Que bão hein?

Clica em continuar lendo pra ver no que deu!

No meu caso, decidi refazer a mistura mesmo, porque me arrependi da receita que tinha executado anteriormente (nem vale a pena mostrar aqui já que eu nem usei, né?) e decidi por fazer outra no sábado a noite (iríamos aplicar no dia seguinte). E esse realmente era o golpe de misericórdia porque a viagem da Kipling seria na semana que segue. Então tinha que dar certo meuDeusdocéu

Aqui vão os ingredientes e medidas pra fazer a minha misturinha da henna:

50 gramas de COLORAU
50 gramas de PÁPRIKA DOCE
100 gramas de HENNA PURA INDIANA da CASA DA ÍNDIA (Comprei dois pacotes logo nesse link)
150ml de VINAGRE DE MAÇÃ
Suco de 1 LIMÃO inteiro
100ml de ÁGUA FILTRADA

Em suma é só jogar tudo isso dentro de um recipiente de plástico (ou de vidro. JAMAIS DE METAL!) e misturar até ficar uma massa homogênea com cor de brigadeiro (no meu caso por causa do colorau e da páprika, sem eles a mistura fica mais puxada pro verde mesmo, isso é normal) com cheiro de mato. Eu e a Monica particularmente não nos incomodamos com o cheiro, apesar de ele ser universalmente detestado nos grupos que participamos. Deve ser o costume já que moramos em Manaus RISOS RISOS RISOS <3 te amo mao

Depois da mistura prontinha é preciso deixar a mesma descansar pra liberar o pigmento. Como assim Suele?

Nesse caso eu sou bem leiga e adepta do olhômetro, mas tem um tempo certo de acordo com a temperatura do ambiente onde a henna vai descansar, pra ela “chegar no ponto” de liberação de pigmento adequada pra ser usada, sendo que usar antes ou depois desse intervalo não vai colorir seu cabelo em nada. Então é preciso ficar de olho!

O olhômetro a que me refiro é o que vocês pensam mesmo; passa um cadinho na mão e espera uns minutinhos; Lava a lama e se no lugar onde você passou tiver ficado manchadinho, significa que a henna está pronta pra uso. Quanto mais forte a mancha, mais no ponto maravilha a henna está. Muita gente deixa ela descansando em lugares de temperatura mediana (nem quente nem frio) por 8 a 12 horas; ou você pode simplesmente congelar a henna por esse tempo e, na hora de descongelá-la em banho maria (que foi como nós fizemos), é só ir testando no olhômetro e na costa da mão pra ver o ponto certo. A minha ficou no congelador da Monica por aproximadamente 16 horas, e no dia fatídico descongelamos a mesma em banho-maria bem de boas sem fogo alto nem pressa, mexendo ela com uma colher de madeira ou pincel de plástico de tintura (nunca envolva metal diretamente no preparo da sua henna!).

E o teste do olhômetro:
Costa da mão e dedos devidamente manchadinhos

Daí estávamos prontas pra aplicação e pra hora da verdade.

Como já falei no post anterior, a henna precisa ficar na sua cabeça de 4 a 6 horas; menos de 4 horas talvez pegue fraquinho a cor, mais de 6 horas pode haver excesso de pigmento e escurecimento do cabelo (o que não é necessariamente ruim, mas depende do seu objetivo). Eu deixei por exatas 6 horas com proteção de plástico filme (Aqueles de guardar comida mesmo), ou seja, por 6 horas perambulei pela cidade (SIM) com essa aparência:

Afinal eu tinha afazeres pra executar e ficar 6 horas de molho em casa não era uma opção viável. Assustei criancinhas no trânsito, talvez essa tenha sido a parte menos entediante. E sujei o banco do carro um pouco de lama verde, mas isso tem conserto.

Um detalhe importante que eu só fiquei sabendo pela Monica; é interessante “esquentar” o cabelo dentro do plástico-filme com um secador de meia em meia hora, ou quando você achar mais conveniente desde que seja no mínimo de hora em hora. Eu esquentava sei lá de 10 em 10 minutos porque sou sagitariana e não exagero nunca. NUNCA MESMO. !!!!MESMOMESMO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Depois das 6 horas completas eu já estava em cima da hora pra ir pro show da Kéfera que ia ter aqui na minha cidade nesse exato dia HAHA daí fui tirar o plástico e lavar o cabelo.

NÃO PODE LAVAR COM SHAMPOO! As propriedades presentes em shampoos servem pra abrir os fios pra remover impurezas, e nesse caso, a impureza podia ser considerada o pigmento da henna, ou seja usar shampoo seria fatal pro resultado final, dando numa suele loira manchada e infeliz. Pra lavar e remover a lama do cabelo pode-se usar cremes levinhos como o santo yamasterol ou condicionadores comuns e de preferência com o mínimo de ingredientes químicos possível. Eu usei o mesmo condicionador do post anterior, da bioextratus, ele é muito amorzinho. <3 Ah e sempre em quantidade mínima, só o bastante mesmo pra tirar tudo da lama dos fios e do couro cabeludo. No meu caso saiu facinho facinho! <3

O RESULTADO:

Cabelinho molhado assim que cheguei no show da Kéfera – no final do show, já seco <3

Além de colorir, a henna hidrata e encorpa os fios fragilizados, como dá pra ver nesses cachos maravilha que ficaram <3 meu cabelo ficou MUITO macio e com zero manchas como estava o ruivo por tinturas anterior! Fiz fitagem claro, porque não existe ainda componente químico ou natural que recupere meus fios marroquinados ;( mas fora isso só amor ó <3

Foto na luz branca com a samsung nx mini (sem filtros ou manipulações de imagem ou cor JURO)
 
(Foto com a mesma câmera, com e sem flash)

Tia suh está apaixonada pela nova cor uniformizada e ruivinha, e recomenda pra todos os ruivos e ruivas que pretendem permanecer no lado cobre da força por bastante tempo! <3

Que aliás vale destacar de novo; só use henna pra colorir o ruivo se você tiver certeza que vai querer ficar ruivo ainda por muito tempo! Porque a henna é tipo 10 vezes mais resistente a processos de descoloração então é meio que uma sentença; vai ser ruiva pra sempre (exagerada) sim!

E clica aqui pra ver o mesmo processo no cabelo da Mônica!

Bjas!

A saga do ruivo por henna – Parte 1: Clareando o cabelo

08abr

Henna, aquela plantinha abençoada e naturalíssima que tinge permanentemente (não desbota nunca) um tom cobre maravilhoso, para aquelas ruivas de alma que não nasceram ruivas por genética, como eu. Bora ver como foi feito?

——————————————-

Oi gente! Quem me acompanha nas redes sociais já deve estar sabendo, mas quem não, vai ficar super estranhado ao ver essa foto minha onde eu estou tão desbotada que to praticamente loira:

O que acontece sua louca? Chega uma hora na nossa vida de ruiva onde precisamos nos perguntar; esse cabelo combina comigo? Eu vou querer permanecer ruiva por muito mais tempo?

Se a resposta for não, ainda quero ter cabelo platinado, azul, rosa, arco-íris, então apenas continue com sua vida. Agora se, como foi pra mim, sua resposta for sim, só não nasci ruiva por um bug genético e é meu dever na vida consertá-lo. então parabéns! É hora de você ponderar passar para o próximo estágio da ruivice; enruivar usando henna!

Agora faz favô e clica em “continuar lendo” aqui embaixo porque miga ME SEGURA QUE VAI TER TEXTÃO (e muita foto e muita ilustração porque sim!)

Mas o que é henna? Não é aquele troço que alisa o cabelo e deixa ele PRETO?
Vocês estão pensando em hennê quando se referem a isso! Henna é um pózinho verde muito lindo com cheiro de mato que solta pigmento vermelho/cobre quando misturado com agentes ácidos (vinagre de maçã, suco de limão, etc)

Porém, contudo, todavia, henna não clareia tinta! Portanto, é preciso dar uma ajeitada na base onde se vai jogar a mesma pra conseguir o ruivo dos sonhos, no meu caso, clareando o cabelo pra pegar um ruivo bem vivo. O que eu quero é bem parecido com o meu ruivo costumeiro. Mas se o resultado é parecido, por quê trocar tinta por henna?

Motivos pra usar Henna ao invés de tinta convencional:

  • Não agride os fios (é um produto 100% natural que só traz benefícios)
  • Não desbota (principal motivo pra mudança <3 no more ruivo amarelado depois de uma semana!)
  • Menor risco de alergia (nunca vi alguém relatar alergia a henna, mas vai que?)
  • Cor linda e querida (indiscutível <3)
Então vamos lá, a primeira etapa é preparar o cabelo, então vou contar como clareei o meu e fui dessa cor da esquerda pra cor da direita;
Diferenção hein?
O objetivo aqui era primeiro tirar o máximo possível do pigmento da tinta pra então clarear uns dois tons. Eu conheço dois produtos de remoção de cor apenas, o famoso DekapColor e o Limpeza Cosmética Alfaparf. Decidi comprar os dois pra testar!

Primeiro fui testar o DekapColor. As instruções indicavam que eu podia fazer duas aplicações do negócio no cabelo, que aliás pra constar, tem um cheiro muito louco de fossa/esgoto. Sério, tava difícil pras pessoas ficarem perto de mim durante aquela horinha que fiquei com essa coisa no cabelo. Tá repreendido!
Pelo cheiro forte é de se imaginar que ele tem uma química pesada e que, por mais que possivelmente fosse ferrar belissimamente com os fios, faria seu trabalho bem e removeria bastante pigmento.
Ledo engano.

Cabelo antes de qualquer processo VS Cabelo depois de duas aplicações de DekapColor seguidas

Ok sejamos justos, houve uma diferençazinha sim! Mas nada perto do que eu esperava. Pelo menos diminuiu o vermelho um pouco que é super manchado na minha ˜franja~ mas o resto do cabelo ficou bem… Igual ao anterior. Mas um ponto positivo do produto é que mesmo aplicando duas vezes seguidas ele não agrediu nadica de nada meu cabelo. Ficou até hidratadozinho! Talvez todo o pigmento estivesse pesando e “sujando” o fio então o dekap de fato deu uma boa limpada. Mas, não atingiu o objetivo. Pena!
Daí num ápice de loucura e pouco amor ao cabelo + pressa de conseguir o resultado que eu queria (a pressa de fato é inimiga da perfeição migos), decidi que não tava afim de esperar pra tentar a Limpeza Cosmética da Alfaparf. Então já corri pra aplicar a mesma logo após o cabelo seco pós-dekap.
E manas… Que macumba eu achei que era essa limpeza da Alfaparf!
Cabelo com duas aplicações de Dekap VS Cabelo depois disso com uma aplicação de Limpeza Cosmética Alfaparf
Deu uma bela dourada, viu? E aí sim, deu uma desbotada bacana no vermelho profundo que ainda restava depois do Dekap. Gostei bem mais do efeito da limpeza cosmética porque ela foi mais visível, mas em compensação a bandida maltratou o meu cabelo. E só depois lendo as instruções com mais cuidado fui entender o motivo!
O Dekap color de fato é uma química vinda diretamente das profundezas do esgoto do inferno que tem como função remover o pigmento de tinta do fio (ou seja, não funcionaria num cabelo virgem por exemplo), enquanto que  a safada da Limpeza da Alfaparf não é nada mais que um soap cap metido a besta.
É! Se tia suh fosse esperta teria atentado pro que vem dentro da caixa da Limpeza da Alfaparf. Um shampoo anti-resíduos suave, um pózinho descolorante suave e uma água oxigenada volume 10. Todos os ingredientes de um soap cap só que mais de leve. Espertos viu?
O que é soap cap suele como assim
Soap cap é um processo caseiro pra clarear o cabelo sem agredir muito o mesmo. Se trata apenas de misturar partes iguais do seu shampoo anti-resíduos favorito, um pó descolorante de confiança e uma água oxigenada de volume 20 ou 30. Mesmíssima coisa do produto da Alfaparf. Então acabou que eu fiz um soap cap sem saber. Boa Suele!
Mas ei, apesar da leve agredida, eu gostei bastante do resultado dele. Só que né sabendo que era um soap cap eu podia ter feito com o que eu já tinha em casa, mas tudo bem!
Eu razando com um ruivo mais claro que o de costume depois dos dekap colors e da alfaparf. Foto com filtro do vscocam.

Pensam que acabou aí? NÃO!

Era preciso ainda enloirar de fato pra conseguir uma base clarinha como eu pretendia. Por isso, eu e a Garota Jedi fomos na Comepi e compramos esse arsenal pra enloirar juntas:
Uma ox 40 da yamá, e tintas 12.11 da alfaparf + ampolas azuis pra consertar o possível estrago do fio após.
Eis que aplicamos as tintas uma na outra e deixamos por uma hora, crentes que iam ter um resultado UAU mas… MAS…

Sim sim muitas olheiras mas foquem no cabelo ok?

Viram a diferença? Nem eu.
Comparativo com a foto anterior pra ter certeza;
Dekap color 2x + Limpeza cosmética VS Tinta loira 12.1 com ox 40

A diferença fora de fotos é bem menor (a luz não era a mesma, tava bem igual na vdd), mas deu uma desbotada pra um tom meio ruivo brincando de ser loiro morango mas sabendo no fundo da alma que isso não é quem ele realmente é por dentro. Mas subir tom que é bom nada!

Minha frustração foi tanta que nem me liguei do fio detonadíssimo (que já dá pra ver pelo sumiço dos cachos na foto da direita) e pedi pra miga jedi tacar um soap cap a moda antiga. Daqueles porrada mesmo!

MIGAS NUNCA TOMEM DECISÕES ESTANDO NERVOSOS E CHATEADOS OK nem nunca vá as compras triste, ou ao super mercado com fome, ou ao cabeleireiro com raiva. Pois o resultado dessa chateação foi dois soap caps seguidos com sequer tempo pra secar o cabelo entre um e outro (molhado mesmo nós achamos que o soap não havia sido efetivo) que resultaram nessa foto que vocês já conhecem e amam (ou não):

Tinta 12.1 Alfaparf com ox 40 vs Duas aplicações de Soap cap com a receita abaixo
Eu fiz o soap cap usando esses produtinhos:
Shampoo anti-resíduos da bioextratus, pó descolorante supermeches da alfaparf e ox 40 da yamá, em proporções iguais (menos o pózinho que usei apenas metade do pacotinho)
E foi assim que eu consegui chegar ao tom que queria pra servir de base pra henna! Mas a que custo viu; meu cabelo teve uma experiência de quase morte!
Mas daí pensei, ué mas a henna vai recuperar. Henna faz bem pro cabelo mas não é chá dos milagres não viu gente! E eu descobri isso de uma forma frustrante, mas que poderia ter sido pior.
Fui pra casa com o cabelo lascado e *argh* alisado a beira da morte e fui dormir. Tinha marcado com a Mon de hennarmos no dia seguinte, já que nesse dia deixamos a henna descansando (isso vai ser explicado no próximo post).
No dia seguinte, com a henna prontinha, passamos no cabelo da Mon e quando fomos pro meu, veio aquela vozinha do subconsciente;
Gente. Aplicar henna é puta cansativo porque se trata de uma gosma verde com textura de barro que vai ficar na sua cabeça cheirando a mato durante 5 horas. O tempo varia, mas raramente é menos que isso. Então sim, seguido a voz do meu subconsciente, decidi fazer um teste de mecha que durou 5 horinhas. E migas… Que frustração!
NÃO É COCÔ DE NENÉM, É A HENNA. Nota pro meu cabelo visivelmente lascado

Peguei essa mecha e deixei 5 horinhas inteirinhas cheirando a mato pra no final lavar e ver uma cor linda maravilhosa e ruivinha indo embora pelo ralo. Sim, a henna produziu o pigmento ruivo dos meus sonhos, mas que eu sequer consegui fotografar pra vocês verem porque ele só existiu por breves segundos enquanto eu tirava a lama do cabelo.
Mas o que aconteceu?
Acontece, mis amigos, que a henna é pigmento bom sim. Mas que como todo bom pigmento é preciso ter um lugar pra ele se segurar. Ou seja, meu cabelo após os processos de descoloração ficaram tão maltratados que os fios ficaram literalmente abertos. Sem condição alguma da henna se segurar no fio. Deu pra entender?
Simulação meramente ilustrativa. Na boa, não seria relato da suelen se não tivesse várias falhas no caminho né? Continua comigo migas
Então pra poder usar a henna, eu tinha que primeiro tratar os fios e deixá-los saudáveis como eram antes de toda essa palhaçada. Que sirva de lição suele. Então agora imaginem… O quão assassina eu estaria se tivesse deixado aquela lama na minha cabeça inteira manchando até minha alma (henna mancha tanto ou mais do que anilina, gente) durante 5 horas cheirando a selva amazônica pra no final não sobrar nada nos fios quando fosse lavar. CHEGA DÁ VONTADE DE RIR HAIUAHIUAHAIOUHSAA;KJNV;LDFKGHM,D aff. Então graças a Deus e as migas pelo teste de mecha que foi irritante, sim, mas nada perto da tragédia que teria sido desperdiçar uma vasilha cheia de henna e 5 horas da minha vida.
Então a próxima missão seria recuperar os fios pra tentar de novo no próximo fim de semana, o que foi uma pequena novela, mas tive uma boa ajuda da Monica e das minas no grupo sobre Henna que participamos. No meu caso, como meu cabelo é cacheado, eu já sabia que ver os cachos voltarem (porque eles foram pra BEM BEM LONGE como se percebe nas fotos) já seria o sinal de que algo que eu fiz pra consertar o fio funcionou. Acompanha aí o intensivão!

O resultado em fotos se você custa a acreditar, to falando SUPER SÉRIO:

Cabelo no leito de morte – Cabelo voltando á vida ironicamente na páscoa <3 momentos~

Nem preciso falar muitas coisa né? Vejam as pontas das duas fotos. E claro, os cachos que antes eu achei que não voltariam nunca de tão poroso e elástico que o cabelo tava. Deus é mais! Ficou super macio, mesmo com os fios ainda meio fininhos pela judiação.
A parte dois desse post ainda não foi planejada pois ela ainda não aconteceu. Vamos tentar reaplicar a henna no próximo fim de semana, e vou continuar tratando o cabelo durante essa semana com muito amor. Vamos aguardar os próximos episódios.
Espero que o post tenha ajudado e desculpem qualquer coisa. rs
BEIJAS!
PS: Quando eu chamo vocês de “migas” no post saibam que isso não é exclusivamente feminino, é universal, as mina são miga os mino são miga TODO MUNDO É MIGA