Fotografia

Spark in the dark | Preset para Lightroom Gratuito

Ilustração

Hear me now | Speedpaint de ilustração

Cabelos

Manteigas Capilares da Embelleze – Qual escolher?

Subúrbio

26dez
Ganhei de Natal de mim mesma uma linda Nikon D5100, e como sei bulhufas de fotografia, estou aprendendo devagar como usar as funções dela. Usei a lente do kit que já vem com ela, que é uma basicona, e já to babando em outras duas, HAEHAEH vamocagardinheiropralá. Hoje, cheguei do trabalho um pouco mais cedo e a luz do dia me deu a idéia de registrar algumas coisas pra treinar. Como foi bem rápido, e eu sou super leiga, não se pode esperar muito, haehaeh mas os modelos ajudaram! Clique no Leia mais!
Sou lindo, bjs

AHEAHEHASHE merda perdi o foco
s2
preguizzz...
Oi?
Dolly CHATEADA com esse gato
Me dá atenção caramba
Pouquinho! Mas é que eu tava toda arranhada e suada, já (pense apenas no que é uma ruiva louca correndo pela rua com uma camera atrás de um gato que no final só se aquietou num telhado, e eu precisei tirar as fotos todas com o braço estendido e na ponta do pé, lol)
Críticas? Sugestões?
Beijosmil!

Em busca do ruivo encantado

24dez
Muitas tinturas, muitos erros, muito cabelo manchado mas depois de muito babado gritaria e confusão, enfim ruiva! <3

(Wtf esse título)

Oi gente! Era pra esse post ter saído ontem, mas muito pra minha sorte faltou luz em casa e por tabela eu decidi ir ao cinema kkkkkkkk (que também não rolou porque ta TUDO LOTADO passando só o Hobbitt, wth). Mas hoje vai!

Mas então. Ser ruiva já é um sonho antigo, que como várias outras coisas, eu só tive coragem de ir botar a mão na massa e correr atrás graças ao apoio pró-ativo do namorado. Já pesquiso sobre o assunto faz tempo, e dá um trabalhinho meio chato, meio desesperador… Mas acho que eu realmente consegui! Depois do pulo você confere na íntegra tudo que eu aprendi e desaprendi em meio a vermelhos, acidentes, e auto-estima plena!

Tudo começou na semana passada, quando minha avó ofereceu me dar um tratamento pro cabelo de aniversário. (Fiz 22 anos segunda-feira, dia 17/12) Porque sabe né, cabelo cacheado é lindo, mas sempre tem aqueles que dão pouco trabalho e são lindos e os que dão muito trabalho e podiam ser melhores. Eu sou o segundo caso. :/

Daí só, decidi que ia fazer um relaxamento safado pra domar os cachos sem perdê-los totalmente. Aí veio o abençoado, “por que você não aproveita e vira ruiva também?”
OMG. Um sonho antigo, antigo mesmo, num pé da realidade. Porque na verdade o que sempre me faltou foi oportunidade e $$$, e naquele momento graças a Deus eu tinha ambos. Por que não?
Pesquisei loucamente (Os sites Testando produtos cosméticos, Ordinary Giirls e Desocupada é a mãe foram meus guias pra decisão final), e decidi; Tinta Igora 7.7 ou Beauty color 6.4, em luzes + relaxamento. E aí começou a saga.
Sexta-feira, 14/12/12
Depois do trabalho, fui com o namorado a um salão de beleza que a família dele frequenta e recomenda, e conversei com a cabeleleira. Ela tirou meu chão Lquando disse que por ambos os procedimentos terem química relativamente pesada, que eu deveria escolher entre um ou outro se quisesse poupar o cabelo de um trauma… Era domar os cachos escuros ou viver com uma moita ruiva.
Chorei um pouco mais tarde aquela noite haehaehaeh. Mas tudo melhorou quando conversei com a tia e avó do namorado; que, em resumo, me convenceram de que era possível sim, só que trocando o relaxamento por uma marroquina, que era uma coisa que as duas faziam (marroquinar + pintar no mesmo dia até). OK NÉ
Sábado, 15/12/12
Acordei mazomenos cedo, e rumei pra casa da avólinda do namorado, que disse que me levaria num outro salão da confiança dela, pra conversar com um cabeleleiro que segundo ela “entende tudo de pintura”.
Chegando lá o cara não estava, mas outra moça em quem ela tinha confiança estava e foi com ela que eu conversei.
Ela me explicou que descolorir o cabelo todo seria um choque muito grande pros fios (e pra mim) mesmo sem outro tratamento químico, e que eu poderia adquirir um look ainda mais natural se o fizesse devagar, começando por Luzes tingidas de ruivo. Também falou da marroquina que, como meu objetivo era domar sem extinguir os cachos, podia ser feito só com a hidratação intensa da mesma e sem amônia ou formol. Perfeito!
Rolou uma pressao psicologica haheaheahe e eu marquei de fazer tudo pra domingo. Saiu-me por 340 reais.
Depois disso rodei um pouco a cidade atrás da minha tinta; só encontrei Igora 7.77 (LARANJÃO) e uma caixinha L (preciso de duas), daí pensei, acho que a cabeleleira tinha a tinta no salão dela, então decidi esperar até a hora do processo.
Domingo, 15/12/12, o dia da verdade
Cheguei ao salão cedo e nervosíssima, e fui a primeira a ser atendida.

Lavagem e escovada
Isso, senhoras e senhores, é um cabelo cacheado quando é escovado.

 Escova com secador feita, aplicou-se aquela touca alienígena escrota na cabeça pra puxar os fios pra fazer luzes.
SAMARA MORGAN PFVR
Aí entrou esse cara no salão

E eu fiquei assim.

TENSA DEMAIS. Odeio loiro em mim gente, aheahehah odeio muuuuito, fica lindo em todo mundo que eu conheço, mas em mim não combina NADA, só conseguia mesmo pensar TIRA ESSE NEGÓCIO DE MIM. Fora que esse loiro aí do descolorante é loiro ovo né
Aí fiquei um pequeno milênio com a touca alienígena na cabeça enquanto a cabeleireira deu uma saída.
Quando ela voltou, voltou com essa tinta;
Sunshine fashion color 7.4
Loiro médio acobreado
Alegou que não encontrou mesmo a Igora em lugar nenhum, e como eu mesma tinha comprovado ontem, tá em falta esse troço – fiquei um pouco com o pé atrás, mas ela me garantiu que era o tom que eu queria e havia mostrado pra ela em fotos no dia anterior. Ok.
E não é que rolou uma cor MUITO próxima da que eu queria, gente?
A marroquina ficou pra outro dia, por ela dizer que se fizesse naquela hora, a tinta ia desbotar na hora. Entao ta, NÉ
Fiz uma escova e chapinha safada e saí do salão.
Meu cabelo ficou vida.
Luz artificial
Luz do sol
Amei, amei, amei! Pra ficar melhor só mesmo com o finish him da marroquina, que ficou marcada pra quarta-feira a noite.
Poxa vida.
Quarta-feira, 19/12/12
Passei os três dias antes ansiosíssima pela quarta, pra ver como ficaria esse ruivão num cabelo domado e saudável. E a chapinha ja tava saindo, daí eu tive mais pressa de fazê-lo.
Cheguei ao salão, lararí, larará
Cabelo lavado, fiquei como um poodle escovado pronta pra receber o produto e a touca térmica na cabeça.
E foi depois daí que a fase negra da saga pelo ruivo encantado começou.
A marroquina ficou BEM-FEITA, meu cabelo ficou SUPER HIPER MEGA macio e cheiroso e saudável e sem volume (alisou pra valer a raiz, como eu pretendia), tava tudo muito bom, muito mágico, exceto que…
Fiquei loira de farmácia. Sorry, esqueci de tirar foto pelo choque.
E não é que os três dias de precaução foram o mesmo que merda?
Gente eu fiquei chocada. Minhas mechas lindas e ruivas tavam loiro-ovo. L A cabeleleira me tranquilizou dizendo que como ela tinha avisado, isso era normal, e no fim do processo ela ia aplicar um tonalizante pra cor voltar a de antes.
TA, NE………..

Aí fomos, tudo terminado, bora tonalizar. MAS O QUE—

Isso, meus caros, são duas das 12123224 de fotos que eu tirei depois do tonalizante ter secado na minha cabeça e transformado meu cabelo em uma fita tricolor. Agora eu tinha mechas castanho escuro (cor natural do meu cabelo), amarelo ovo puxado leeeeeeeeeevemente pro cobre, e a raiz vermelho vinho.
VERMELHO VINHO.
TRICOLOR.
Nessas fotos, apesar de não ter sido proposital, da pra ver claramente minhas olheiras pós-choro marronzadas embaixo dos olhos e a expressão de destruição. Decidi nem cortar/retocar porque quero que vocês realmente entendam como eu fiquei psicologicamente com uma merda destas.
Na hora que ela tava secando meu cabelo, eu já tinha percebido essa reação WTF do tonalizante. Perguntei incerta dela “Fulana, aqui no meio tá esse vermelho vinho feio, por que?” E eis que ela disse que isso era normal porque o tonalizante era do mesmo número, mas nao da mesma marca que a tinta.
COMO ASSIM MOÇA
Ela me tranquilizou dizendo mais uma vez que isso era normal e que iria se igualar ao restante em pouco tempo.
Meus povos e minhas povas. Nunca deixem que lhe convençam que um cabelo tricolor é uma coisa normal, a não ser que você mesma tenha escolhido as cores e as tintas das três cores. Isso não é normal e não deve acontecer.
Por ser apenas um tonalizante, ela me disse que sumiria após algumas lavagens (junto com o resto quase nada de cobre do resto do cabelo amarelo ovo), e que em um mês eu podia pintar o cabelo todo de novo.
Enquanto ela me “tranquilizava”dizendo que eu ia ter que ficar tricolor durante uns 15 dias e depois toda amarelo-ovo por mais quinze pra poder pintar e voltar ao que tava antes, eu me segurei MUITO FORTE pra não chorar ali mesmo.
Jamais aceitem esse tipo de coisa de salão nenhum, vocês estão pagando pra ter o serviço feito direito.
Como já quase passava da meia-noite e não tinha muito que eu pudesse fazer já que a merda estava feita, eu só fiquei lá muito quieta o resto do tempo em que ela passava uma escova no meu cabelo. O namorado que tava sentado na saleta de espera, me olhava constantemente e percebia a minha cara de “quero afundar num poço agora mesmo”.
Saindo de lá (quase correndo!) e entrando no carro, ele ainda com uma ponta de esperança virou sorridente e me perguntou “e aí… Curtiu?”
DESABEI
Porra, minha raiz tava vermelho vinho! Que merda de tratamento
de beleza foi esse?
Depois de muito soluço e lágrima e muita vontade de hibernar até meu cabelo natural castanho crescer todo de volta, fomos pra casa.
No meu desespero patético tentei até esfregar leite de colônia na raiz pra ver se aquela merda saía, mas NADA, nem as manchas hor-rí-veis do produto que ficaram na minha pele (um lado quase 1/3 da minha bochecha), nada acontecia. Fui dormir chorando de novo e esperei acordar de um pesadelo.
Antes que alguém venha de “mimimi é só cabelo, moleca fútil do caralho” VÁ A MERDA, ALGUÉM
É como eu tive conversando com a Evellyn Bahia ontem no facebook do blog, cabelo, pra mulher, é mais que um tufo de fios protegendo sua cabeça do sol(?), é uma moldura pro seu rosto. É uma moldura que leva sua personalidade junto. Uma moldura destruída pode destruir todo o conjunto. E um conjunto destruído, pode desequilibrar legal sua auto-estima. É um lance cultural desde os primórdios. Então não, não é só cabelo e muito menos vaidade fútil. Vá a merda.
Prosseguindo,
Quinta-feira, 20/12/12
Chorei rios e fiquei com vergonha de sair na rua.
Sexta-feira, 21/12/12
O mundo chegou a acabar, só que foi na quarta-feira, chorei mais ainda.
Só que daí, a avó do namorado (Que foi que me levou no salão) já desde o dia anterior vivia ligando pra ele pra saber de mim, como eu tava e etc. Daí ela decidiu que ia me levar no salão naquele mesmo dia pra cabeleireira consertar a cagada. Fiquei super com o pé atrás.
Já tinha decidido ir conversar com outra cabeleireira (a do início do post), e se houvesse algo que eu pudesse fazer, ia fazer com ela (ou seja, gastar mais $$$), mas a avó dele insistiu pra que eu fosse com ela no mesmo salão consertar meu cabelo, e de graça. Lógico.
Enfiei na minha cabeça que preferia pagar pra consertar do que cagar mais ainda de graça, mas né, dinheiro não tá pra jogar pro alto assim, e topei ir pelo menos conversar.
Gente. A avó do meu namorado é amor.
Ela ligou pro salão e foi especialmente delicada com a moça “o cabelo da menina ficou UM CU e a senhorita vai consertar ele, vai deixar perfeitinho, e de GRAÇA, ouviu dona fulana?” 
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
Ela então me perguntou que tinta eu queria usar pra repintar, e fiquei com o pé atrás de novo; pintar de novo não era aquele esquema que ia danificar/ferrar mais/fazer meu cabelo cair se feito assim com só um dia e meio de distância da marroquina?
Daí, depois de falar com a cabeleireira (que aparentemente mudou de opinião com a prensa da avó do namorado), ela me disse que não tinha problema já pintar, porque a marroquina feita em mim não tinha química, e portanto meu cabelo tava forte pra aguentar outra mão de cor. Fez sentido pra mim (o desespero falava alto também), dei o nome e número da tinta, e a vólinda do namorado foi atrás de comprá-la pra mim.
Preciso destacar fortemente que sem a avó dele, eu ainda estaria com o cabelo cagado. Ela foi atrás da tinta enquanto eu estava no trabalho, foi comigo a cabeleireira  ficou O TEMPO TODO em cima de nós duas e de vez em quando palpitando “olha aqui desse lado, passa mais desse lado” pra que dessa vez saísse tudo nos conformes. Isso tudo porque ela se sentiu fortemente responsabilizada por ter sido ela quem me indicou e me levou ao lugar. Nadaver! Ela desde o começo só quis me ajudar L<3 e me ajudou de novo!
O que ocorreu foi, uma lavagem foooorte com OX 10 volumes, especialmente na raiz, pra tirar o máximo da pigmentação do cabelo possível, uma re-pintura, e em seguida uma hidratação básica, uma escova e uma chapinha.
A raiz voltou ao normal! <3
Resultado:
Cenouraaaaaaaaaaaaa <3 (bom, cenoura escura haehaeha) (foto na luz da janela)
Dessa vez ele ficou BEM mais claro e laranjinha que na primeira pintura, antes do desastre do tonalizante; Isso porque ao contrário da primeira vez, onde só as mechas foram descoloridas, dessa vez meu cabelo inteiro recebeu oxigenada. Em volume baixíssimo pra não ofender muito, mas mesmo assim, foi super clareado.
E foi isso. Agora to laranjinha esperando minhas pontas enrolarem como me foi prometido que iriam. Se nao rolar, volto com a avó xena no salão de novo. AHEHAEH
Moral da história; CABELO MANCHADO NÃO É NORMAL. Exijam o conserto! Nao sejam a mosca morta que eu fui, pfvr. Vai ser muito pior L

Fiquem agora com uma foto que o namorado tirou hoje (dois dias depois do conserto) com a minha nova Nikon D5100 QUE É MUITO AMOR e eu pretendo fazer um post só pra ela depois. ESSA LINDA

(Ta com efeitinho a foto, ele ta mais laranjinha que isso. <3)
Feliz natal gente! <3

Aventuras no Ebay

18dez
Boa noite seus lindos!
Hoje vamos falar de compras. Não somente isso, compras internacionais. (*Insira nona sinfonia do Beethoven aqui*)
Comprar de fora do país requer alguns cuidados a mais do que simplesmente comprar de outro estado pela internet; mas, basicamente são os mesmos! Só que, em sites do naipe do Mercado Livre, você precisa ter alguns cuidados especiais – afinal, são vários vendedores num lugar só, mas nem todos são certificados com uma loja física, CNPJ, etc. Eu gosto de pensar no mercado livre como o próprio nome já diz, imagina um agrupamento de camelôs/vendedores ambulantes, HAHA
Mas então, o ebay não é diferente. Só que lá os vendedores só falam inglês.
Não sou nem de longe uma expert no assunto, mas meu namorado já comprou algumas coisas por lá, e me convenceu a comprar também, o que não custou muito esforço pra ele porque putzgrilla meia-calça tatuada de 3 dólares?
Depois do pulo!

Não vou tentar expertizar o ato de comprar no ebay pra vocês, porque sou leiga – minhas coisas ainda nem chegaram HAHAH mas tenho fé em Deus que em Janeiro e Fevereiro tá tudo aqui lindo e ruivo pra mim.
Primeiro vamos dar uma olhadinha no site.
Se você não saca muito de inglês, pode ser um pouco complicado de mexer – mas a estrutura é muito simplificada, é praticamente o mercado livre!
Minha primeira compra surgiu apenas pela navegação na aba de categorias, onde você pode se perder fácil, então, NÃO tenha seu cartão de crédito em mãos quando for navegar pela primeira vez. É certo que você pode se descontrolar (que nem eu, LOL), mas uma coisa que me meteu medo e me segurou um pouco na compulsão de sair gastando milhões de primeira foi a questão das taxas – li em alguns lugares que se você compra alguma coisa com valor superior a $50 dólares, é CERTO que seu produto vai passar pelo pesadelo da taxação. Vou deixar um link explicando isso lá no final.
Por agora, vou falar só um pouquinho do básico que você precisa saber pra encontrar alguma coisa legal, e de um vendedor legal no ebay. Mas pra dar uma simplificada, digamos que eu estou atrás de uma bolsa em forma de gato que vi no facebook lindo do blog Sorrisos Voam.

Cat shaped bag foi o termo que eu escolhi – porque uma coisa no ebay que eu acho meio chatinho, é que se você não for específico, ele vai te retornar com 0 resultados. Exemplo, já quis ver produtos com estampas de gatinho mas recebi um 0 na testa quando botei no search apenas CATS.
Uma boa dica pra esse tipo de situação (quer achar algo mas não sabe exatamente o quê) é encontrar um meio-termo pra ser específico; no caso, cat printed (uso muito o printed pra achar roupas ou bolsas estampadas), cat shaped (formato), cat inspired (inspirado), etc.

Só tem um vendedor que vende a bolsa que eu quero, mas isso NÃO deve significar que eu já devo sacar meu cartão precioso!
Em um anúncio, é importante você prestar atenção aos seguintes elementos;
·        Item condition
O estado do produto a venda – nesse caso, é novo mas sem etiquetas. O que quer dizer, que é novo e sem uso, mas pode não acompanhar etiquetas ou embalagem originais, por quaisquer motivos. Outras condições são New with tags (Novo com embalagem e etiquetas originais), New with defects(Novo mas apresentando alguma irregularidade – faltando um botão, fio solto, até problemas mais graves), e Pre-owned (Usado).
·         Price
Dã! Mas não apenas pelo peso no seu bolso, o que acontece é que vendedores do mundo todo se reunem no ebay, portanto não são apenas valores em dólar que você vai ver por lá. Nesse caso, o produto custa $29,99 em dólares australianos (AU), que NA REALIDADE, equivalem a $31,62 dólares americanos(US), como o próprio ebay te indica logo abaixo do valor em AU. Prestenção!
·         Shipping
Aqui fica o valor do envio/frete do produto + o modo de envio (Aqui, pela Standard International Flat Rate Postage + o valor – muitas vezes o frete é grátis (um grande FREE estampado nesse campo) o que é SENSACIONAL e mais comum do que você pensa!), o local de onde vem o produto (Aqui, Hong Kong)  e também especifica pra que partes do mundo o vendedor envia (Aqui, americas, australia, europa, ásia, e Nova Zelândia). Se você clicar em See exclusions, voce é levado ao final da página onde pode ver os lugares para onde esse vendedor NÃO envia.

Nesse caso, fashionistas gateiras da África, Equador, Peru, Israel, Grécia e Itália choram.
Como no seu cadastro no site você se identifica como sendo do Brasil, o ebay toma isso como referência; quando não vem pro Brasil, normalmente no campo lá em cima diz May not ship to Brazil. Ô frase do capeta essa!
·         Delivery
Aqui você vê detalhes da entrega, como em quanto tempo o vendedor deve enviar seu pacote e em quanto tempo ele deve chegar – aqui temos 4-16 dias úteis, e também diz que o vendedor envia dentro de 1 dia após a confirmação do pagamento. Também é importante lembrar que no caso de compras internacionais (nosso caso!), é preciso adicionar uma tolerância maior de tempo devido a alfândega e essas coisas chatas pra cacete.
·         Payments
Formas de pagamento – o Paypal É SEU AMIGO, cadastrar o cartão de crédito nele é super fácil, rápido e seguro, e qualquer merda que acontecer você pode requerer seu dinheiro de volta por ele. Aliás, até pelo ebay, na hora de fazer seu pagamento, o site fica totalmente em português-brasil e te diz quanto em reais brasileiros o produto em questão vai te custar durante o processo. Paypal seu lindo!
·         Returns
Não curtiu o produto? Se sentiu enganado? Mandaram coisa errada? Esse campo te diz quanto tempo o vendedor te dá pra você devolver o produto e ter seu dinheiro de volta. Nota, aqui nesse vendedor, o prazo dado é de 30 dias, e é você que paga o frete de volta.
·         Classificação do vendedor
Esse é o campo pelo qual você mais deve se basear na hora de definir se o vendedor é confiável ou não. Ele equivale ao “Mercado Líder”, “Mercado Líder Platinum” do Mercado Livre – Quanto mais alto o nível aqui, mais seguro de fazer a compra. Este aqui é dos bons! Um Top-rated seller é sempre pra quem você deve dar preferência quando for decidir entre vendedores. São pessoas sérias que tem centenas e até milhares de qualificações positivas de pessoas que fizeram negócios com ele. Melhor, pessoas do mundo todo! – Claro, se você quiser arriscar (como eu arrisquei, e vocês vão ver mais abaixo), existem vendedores que não são assim premiados mas que também podem ser de confiança. É só checar o total de vendas que ele realizou e os feedbacks deixados pelos compradores. No final você julga se vale a pena ou não.
Julgo que esses são os campos mais importantes, mas mais abaixo você pode ver o anúncio completo onde consta detalhes do produto, como material, dimensões, cores, etc etc…

Vai querer? Clique em Buy it now, siga os passos pelo Paypal e seja feliz! (Só espere uma pequena vida antes de ter seu gatinho em mãos, mas por um preço baixo e por coisas que você nem acha por aqui, vale a pena ou não?)
Vou deixar aqui alguns links ótimos que te explicam tudo mais que você precisar/quiser saber sobre o mercadão do ebay.
O site Comprar no Ebay é vida gente! Fucem lá depois que tem muita mas muita coisa legal de saber! 😀 Tenho ainda esse guia legal postado no próprio ebay:
Agora, vou deixar vocês verem o seguinte.
Namorado: Olha só… Como é tua primeira compra, tenta começar com algo baratinho de tipo 3 dól—
Suelen: MEU DEUS MEU DEUS MEU DEUS MEU DEUS MEU DEUS MEU DEUS MEU DEUS MEU DEUSMEUDEUSMEUDEUS/curtocircuitobrainnotfoundselfcontrolmisplacederror404
Namorado: =_= …

1. Meia-calça de corações $1,88 – 2. Meia-calça tatuada nacoxa e nos dois calcanhares $3,69 – 3. Meia-calça tatuada de cruz abaixo dojoelho $4,69 – 4. Meia-calça tatuada de gatinho abaixo do joelho $5,99 – 5. Tiara de spikes $3,50 – 6. Cinto $1,99 – 7. Beanie vermelho $0,99  – 8. Suéter feito de amor vintage $11,88 – 9. Capinha para Galaxy S2 $10,53 – 10. Bolsa de raposa laranja $3,52 – 11. Vestido divo $15,35 – 12. Réplica Prada Óculos baroque $2,88 – 13. Óculos lolita em formato de coração $3,99  – 14. Conjunto de 20 peças de âncoras bronze paraconfecção de bijoux $3,01   –15.  Anel de estrela-do-mar $0,99 – 16. Elástico de cabelo vintage de chiffon $1,29 – 17. Brincos de coração $0,99 – 18. Brincos de estrela-do-mar $0,99
(Uns três itens daí tinham frete, mas nenhum era mais de 2, 3 dólares etc)
Suelen:
Namorado:
Suelen: … Ta bom já né?
Namorado: Tá.
PS: Muita coisa daí eu comprei ciente de que pode ser, se já não disse no próprio anúncio que É, um xing-ling SAFADO de camelô (exemplo, o beanie vermelho e a bolsa de raposa) – mas pelo preço besta, decidi que valia pena o risco dessa vez. Agora vocês, eu não sei, comprem a seu próprio risco sem depois culpar a tia suelen se cair num vendedor de má fé ou um correio de má fé, rs
Antes que vocês me perguntem, e stating the obvious, eu sou louca por âncoras e 20 peças de âncorazinhas pequerruchas por 6 reais é o mesmo que NÃO, EU NÃO PRECISO DE MOTIVOS hahah *tweak eye*
Então… Agora é rezar pra não extraviar nada, né? HAHAHAHAH
Ai, ai…
PS: Meu namorado decidiu que vai pagar essa tralha toda pra ser um dos meus presentes de aniversário. É. UM dos meus presentes é essa leva de coisa. Obrigada, príncipe lindo <3 prometo não ultrapassar 30 itens da próxima vez.
É BRINCADEIRA, TÁ? n

A rockabillyzação da banda alemã The Baseballs!

08dez
Conheci essa banda por uma amiga da faculdade (que parece que nasceu na época errada, porque ela tem um estilo tão LINDO que parece que saiu de um filme antigo mas adaptado pra atualidade, SE É que isso faz sentido, kkkkk teadoro Carol <3) e nossa, me apaixonei. Sendo uma apreciadora de música no geral, a banda alemã me conquistou por juntar o melhor dos dois mundos. Regravam hits de sucesso atuais no ritmo rockabilly.

Já pensou em ouvir Umbrella, Hot’n’Cold, Poker face, Dont’cha e outros sucessos no estilo animadíssimo e empolgante de Elvis Presley? Vai ouvir agora! Depois do pulo! >

A banda é formada pelos três loiros Sam, Digger, e Basti (São os nomes artísticos), mais uma banda de apoio finíssima que dá um clima inacreditável de anos cinquenta ás vozes do trio. Foi formada em Berlin em 2007, e depois do primeiro CD lançado em 2009 não pararam mais. 
Além disso tudo, o estilo, claro. As performances têm direito até a dancinhas alá Elvils, topetes, figurinos, e não é incomum o backvocal ou mesmo só aparição de garotas lindas no melhor estipo pin-up que nos fazem querer copiar todo o guarda-roupa. Sendo assim podemos dizer que eles são completamente caracterizados! <3 Os clipes então te fazem sentir como se fosse um extra de Grease ou que estivesse vivendo pra ver um show do próprio rei do rock ao vivo enquanto ele acontece em algum parque.
Vou deixar aqui alguns dos meus sons favoritos mas vocês PRECISAM correr no youtube e pesquisar o nome da banda, existe 100% de chance de eles já terem feito um cover de uma música que vocês amam. <3

Umbrella (Rihanna)
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=DM2177pHMT0?rel=0]
Poker face (Lady Gaga)
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=z_uDpX5zbEQ?rel=0]
Hot’n’Cold (Katy Perry)
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=CpWAl8C0H0A?rel=0]
Love in this club (Usher)
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=w3zp5nmvrM8?rel=0]
Candy Shop (50 Cent)
Clipe SENSACIONAL btw, Sven parece com o Johnny Bravo, tudo muito lindo, muito vintage, muito grease! Fora a letra totalmente obcena num ritmo super alegre e divertido! Kkkkkk
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=IGDdDuLVIZc?rel=0]
This Love (Maroon Five) <3
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=NtTD-ngTy_M?rel=0]

Crazy in love (Beyoncé)

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=BLIzR1MjwO4?rel=0]
I don’t feel like dancing (Scissor Sisters)
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=rOileTyIPHY?rel=0]
Born this way (Lady Gaga)
[youtube https://www.youtube.com/watch?v=fBtlyKUrKow?rel=0]
Pra acompanhar a banda não deixem de conferir o site lindo deles: http://www.thebaseballs.com/
Eaí? Que músicas mais tiraram você do chão?

Bjosmil

No papel ninguém pode me ouvir

03dez
(Foto: Poopc0rn)

Papelaria sempre foi uma área que me atraiu muito – sou apaixonada por cadernos, grandes e pequenos, sem pauta, capas vintage, papel reciclado… E como meio que consegui o emprego dos meus sonhos recentemente (mais disso outro dia) e ele envolve desenho, ontem eu me empolguei a mil pra me portar como a profissional que cá pra nós ainda não sou, mas pretendo ser KKK.
(Foto: Briansstorm)
Não só pra desenho, sketchbooks (caderno de rascunho) servem pra quase tudo, né? Eu particularmente acho que folhas sem pauta (as linhas que guiam a escrita na folha) dão muito mais liberdade e um visual antigo até a um diário ou uma agenda.
Eu só precisava de um sketchbook HAHAH mas é, me excedi um pouco. Diria que me excedi pouco mais de 60 reais a mais do que eu planejava gastar. Mas né? Confira minhas compras do mês (porque acabaram com o que sobrou da minha recisão) depois do pulo!


Começando por um sonho antigo, lápis de cor da Faber-Castell:

(foto de celular porque né) (pesche approves it)

48 cores muito bem aproveitadas em 24 lápis, o traço é macio e permite níveis de pressão bem diferentes, ou foi o que eu achei já que sou acostumada com a minha mesa digital. Daí tive que riscar muito pra entender como exatamente um sombreamento á lápis de cor funciona. :s
Pra quem no papel só desenha á lápis ou caneta e no computador com caneta digital, colorir com lápis de cor sem a ajuda de camadas é incrivelmente frustrante, kkkkkk mas, até que eu consegui me virar:
Eu desenho o que eu sinto! HAHA
E esta suelenzinha feliz foi feita em um caderninho sem pauta extremamente fofo com a arte da capa do célebre Pequeno Príncipe. E o melhor, custou só R$ 2,80 na Concorde. Já pode comprar 30 deles?
Outra aquisição é uma coisa que, na boa, todo ano eu compro, mas se uso por mais de uma semana já é muito. Uma agenda.
Não sou nem nunca fui a pessoa mais organizada do mundo, e com a comodidade dos aplicativos de notas do celular, nunca precisei muito; mas de novo, quem tem amor em papelaria meio que não consegue se controlar. E mais uma vez, meu novo emprego requer certas anotações e foi um incentivo a mais pra comprar essa agenda fofíssima do Pooh – tinham outros modelos mais atuais (esse é o classic), mas esse antigo simplesmente arrebatou meu coração mole. <3 Custou só R$ 12,90, na Concorde.
Esse foi meu investimento mais salgadinho da noite, um sketchbook da Cicero Papelaria, a qual eu tinha visto dias atrás num site aleatório e simplesmente MORRI de amores por ele. Mede 14 x 21 cm e tem 160 páginas cheirosas e sem pauta. Custou R$ 44,90 na Saraiva, mas já valeu a pena porque eu ia pagar 25 de frete no outro site com mesmo preço (ou 60 se eu quisesse ele antes de janeiro…).
Claro que, não quer dizer que vou aposentar meu moleskine antigo, como poderia?
(Tá velhinho esse bebê) Comprei na linda e excelente ReverbCity alguns anos atrás, não lembro ao certo quanto foi mas foi na faixa dos R$ 40. Todo o design é deles, assim como o restante do site (que tem como especialidade camisas mas também tem chinelos, canecas, roupas em geral… Enfim, entra e se apaixona!) e as páginas estão cheias de história. Foi inclusive onde eu desenhei meu cenário sombrio de Alice no país das Maravilhas:
Que com as edições necessárias depois de escaneado virou meu main art na minha página do deviantArt e ficou assim:

(Clique na imagem pra ir até o tamanho original)

Lembrando que os desenhos a mão são necessários pra mim só pra rascunhar e pra uso pessoal mesmo, porque no trabalho o negócio são desenhos totalmente digitais. Pra isso, e saindo um pouco da papelaria, tenho minha amada mesa digitalizadora Genius G-PEN F509:
Adquiri esse bebê uns anos atrás e me custou menos de R$ 250. Melhor investimento que já fiz na minha vida, APENAS. <3
Acho que é isso por hoje!

(Foto: We<3it)

Se alguém partilha do meu amor incondicional por elementos de escrita/desenho, eu ia amar ler eles nos comentários <3 seus lindos!

Fiquem com o novo meme azulado do blog e o clipe da música que to ouvindo agora, Locked out of Heaven, nova do Bruno Mars. Não consigo parar de ouvir essa música minha gente! <3

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=e-fA-gBCkj0?rel=0]

Por que se tatuar?

16nov

Fala galera!
To vivona!
Ok talvez não vivona porque sumi por umas duas semanas disso aqui. Projeto novinho, deu tanto trabalho pra terminar e eu sumo, mereço ser jogada no vento.
Mas são situações do dia-a-dia. Estresse em casa, estresse na faculdade, estresse no trabalho, enfim, estresse… Até tive um tempo aqui e ali onde quis fazer algo pra cá, mas o dito estresse me atrapalhou de criar alguma coisa. Bom, moving on!
Nesse post vou (começar) a falar de um dos meus temas favoritos com relação a TUDO; tatuagens. Mas não apenas postar imagens que achei na internet e achei “legas” porque isso qualquer um pode fazer, não é? Vamos falar de coisa séria porque tatuagem É COISA SÉRIA. Esse post no caso vai ser meio que uma primeira etapa, onde fala-se do início de tudo; “Por que fazer uma tatuagem?”
Vamos começar? Clique no continue lendo estupidamente pequeno.

Por que se tatuar?

Antes de mais nada, existe uma razão pela qual é requerido ter 18 anos (num estúdio que se preze) para se tatuar. É justamente porque tatuagem não é brincadeira, é coisa de adulto! Então, se você é de menor e decidiu se tatuar, ok, não vou julgar (até porque tem muita menininha de 13,14 anos por aí que tem mais cabeça que as de 20) mas apenas pense direito. E é com esse intuito que este post segue como segue.
Tatuagem pode ser muita coisa. Pode ser alguma coisa que você gosta. Que você idolatra. 
Que você já viveu. Que você procura um dia viver (um sonho). 
Mas tem também umas coisas que tatuagem não pode ser.



Quer se marcar? Beleza. É de henna? Tem uma tia lá na Ponta Negra que sabe fazer. Mas quer que seja permanente? 
Não seja estúpido.


Um bom tatuador não é nada de um malandro com uma agulha que gosta de desenhar nos outros por dinheiro. É uma profissão reconhecida, nada mais que outra extensão de artistas como músicos, pintores, escritores… E com isso, não se deve desvalorizar o trabalho de um artista, já que ele nasceu pra fazer o que faz. E o faz muito bem. Então por que alguém deveria pechinchar o valor de uma arte? Ainda mais uma arte que vai ficar na sua pele pelo resto da sua vida?

Por isso, procurar pelo mais barateiro, o que por 100 reais diz “é… acho que dá, dá sim, relasssha” NÃO. Se decidiu que quer se tatuar, faça direito, porque 50, 100, 200 reais nenhum vale uma coisa dessas pra sempre te encarando e dizendo “DAE MANOLO VAMO PRA PRAIA”.


Eu gosto de pensar que, para ser permanente, tem que representar algo permanente. Não tem nada de errado em ficar de semanas a meses considerando se você vai mesmo tatuar determinada coisa em você. Até porque, o que é esse tempo todo pensando perto da eternidade que vai ficar junto de você? Pense direito; no futuro vai te comprometer ao tentar conseguir um emprego, por exemplo? Você vai ao menos ainda gostar dessa coisa em questão a longo prazo? Vai te causar vergonha frente a determinado grupo de pessoas? (Quero ver você explicar pro seu filho um dia por quê a mãe/pai dele tem um gato tatuado na barriga pra dizer que o umbigo dele/a é na verdade o… Ah vá) Uma coisa no entanto é certa, eu não julgo nenhuma tatuagem de artista ou filme e afins, porque só por ser uma coisa “pública”, não quer dizer que não tenha um significado importante pra pessoa que a tatuou.

Uma coisa que parece não entrar na cabeça de muita gente, é que uma tatuagem não sai com sabão e nem sempre é tão fácil escondê-la quando se diz necessário. Primeiro que a tatuagem deve ser pra você, não para os outros, portanto de nada adianta desenhar uma rosa na testa ou um bigode no buço (COM ESSA MODA DE BIGODE, EU JURO QUE NÃO DUVIDO.), tenha em mente que um desenho loucão de um dragão na fuça vai te fechar muitas portas no mercado de trabalho. E o que é mais importante aqui?
Da autora que vos fala
Mazéclaro que uma entusiasta descabida como eu que até post precisei escrever tenho pelo menos UMA rabiscagem no corpo (só uma mesmo). E naturalmente, ela tem uma história. 

Tudo começa com uma frase que, há muitos anos atrás, se tornou minha fillosofia pessoal.
You be the anchor that keeps my feet in the ground, I’ll be the wings that keep your heart in the clouds

O significado se encaixou muito em mim por eu nunca ter sido dessas de fazer loucuras na noite ou vááárias outras coisas divertidas que vocês vêem em filmes. Eu sou muito afixada. Eu gosto de planejar antes de fazer pra não ser pega desprevenida. Em outras palavras, eu sou uma âncora (“que se afixa no chão”), não que eu seja uma bibliotecária chata, eu tinha vontade de muita coisa e vários sonhos, só que nunca tinha tido aquele impulso pra ir atrás deles. Sabem, por segurança de não quebrar a cara.

E desde aí eu comecei a usar o termo wingedanchor (âncora alada) pra tudo (vide twitter) exceto que eu não tinha as ditas asas da frase. Então em termos eu estava incompleta e admitia isso (mesmo usando o winged ao invés de só anchor).

Daí chegou um cara. Virou meu melhor amigo, e depois o primeiro e único amor da minha vida. Ele era bem diferente de mim nesse aspecto da frase, por não gostar de rotina, sonhar alto (MUITO alto as vezes), saber que o céu não era o limite, meio infantil e iresponsável. E com essa natureza aventureira ele conseguiu ser as asas que completavam a minha âncora.
Assim como eu também fui a âncora que deixou ele mais pé-no-chão, menos “loucão”, e eu passei a me desprender mais do chão. Em termos, um completou o outro.
E com isso, decidimos que nas nossas primeiras tatuagens, ele faria uma âncora, e eu um par de asas, representando nosso equilíbrio graças ao outro.

O local da tatuagem também tem uma boa razão. Escolhemos o lado interno do pulso pra que sempre que déssemos as mãos, a âncora e as asas ficassem juntas (formando a winged anchor), e ele fez no pulso esquerdo por ser o lado que um noivo fica com relação a noiva no altar – e isso é porque na idade média, cavaleiros seguravam a espada com a mão direita enquanto que a esquerda protegia suas donzelas. Sim, a gente pesquisou PRA CARAMBA. (recomendo a todos que façam o mesmo, até porque é disso que esse post se trata :B)

No dia que finalmente nos casarmos, vamos completar os dois desenhos; eu vou tatuar uma âncora entre minhas asas, e ele vai tatuar as asas na âncora dele. Dando assim a história por completada no altar. Mais permanente que um par de alianças, hein?

Rolou até piada de que os tatuadores de nossas preferências fossem estar dos nossos lados no casamento pra completar os desenhos no fim da cerimônia. :B Será que minha avó me bate?

Bom, essa é a história.
Ele tem uma outra tatuagem nas costas, que representa o amor (doente) que ele tem pela natureza e pela preservação do nosso planeta.

 Não adianta só dizer que gosta, tem que agir de alguma forma – ele no caso se preocupa com reciclagem, economia de energia e água, petições do green peace, dentre outros; fora que o rapaz numa floresta parece um pinto no lixo. Ou eu num rodízio de pizza da Loppiano. Kkkkkk

Agora acho que vale a pena fazer um merchan básico de dois ótimos artistas do ramo (aqui da minha cidade):

(Clique na imagem para visitar o perfil)

A Rebeca Brito é a artista do estúdio Lolita Tattoo e foi quem fez minhas asas e a âncora do meu namorado.  Muitos dos desenhos dela são delicados e com uma pegada rockabilly/old-school. Lindimais!

(Clique na imagem para visitar o perfil)
O Max Queiroz é integrante de um super time de artistas de um dos estúdios mais bem conceituados da minha cidade, e foi quem fez a folha na costa do meu namorado. Vendo essas obras dele nem preciso falar muita coisa, né? Recomendo!

Agora eu tenho uma dica pra vocês; Enquanto estiver pensando na sua arte, é muito bom ver uma “prévia” pra ter uma idéia melhor de como vai ficar finalizada na sua pele, fora que ainda é uma mão na roda pro tatuador entender direitinho como você a quer. Isso é só mais uma das utilidades do sempre confiável photoshop (ou basicamente qualquer outro editor de imagens que trabalhe com camadas).
Chega né?
Qual será minha fixação com posts gigantes?
Vou tentar postar uma coisa bem curtinha na próxima. Rs

Beijos!
131323334